Buscar
  • Gabriela Salim

CADEIRA DE RODAS. Seu pet ficou paralitico. O que fazer?

Atualizado: Mai 17

Existem diversas causas que podem deixar os cães e gatos paraplégicos. As causas mais comuns são hérnias de discos, doenças degenerativas e tumores na coluna.

Muitas vezes, mesmo após cirurgias e/ou reabilitação, os pets não recuperam os movimentos, o que fazer nestes casos?

As cadeiras de rodas serão grandes aliadas na vida dos seus pets, elas podem ser usadas por animais que sofreram uma destas doenças ou ainda por cães idosos, com osteoartrose avançada, que têm dificuldade em se manter em passeios.

Ao contrário do que as pessoas pensam, os cães amam as cadeiras de rodas, elas dão autonomia para seu pet ir para onde ele quiser. Os gatos não costumam gostar no primeiro contato, a adaptação deve ser um pouco mais lenta, mas também se adaptam muito bem depois de algum tempo.

Hoje em dia existem diversas cadeiras no mercado, fabricadas com materiais diferentes. O ideal é que você procure orientação de um médico veterinário especializado em reabilitação, ele irá lhe auxiliar na compra da sua cadeira e também na adaptação do seu pet à ela.

É muito importante que a cadeira seja feita sob medida para cada animal. O ajuste deve ser muito preciso para não sobrecarregar a coluna e os outros membros. O material também deve ser apropriado e confortável, evitando lesões de pele.

Existem cadeiras de rodas para membros anteriores, membros pélvicos ou cadeira com quatro rodas, no caso de animais tetraplégicos.

Importante: Mesmo após a adaptação na cadeira, os pets não podem ficam o dia inteiro sobre elas. As cadeiras serão ótimas para passeios e em curtos períodos de tempo, não sobrecarregando assim os outros membros.

Duvidas? Agende uma avaliação que auxiliamos você neste processo.

25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo