ENTENDA 

A OSTEOATROSE

Se você é veterinário ou tutor de um animal com osteoartrose, deve ser capaz de entender o mecanismo de ação desta doença progressiva. Descrevemos neste programa informações importantes para que você compreenda as etapas que ocorrem nas fases de desenvolvimento da doença, podendo assim identificar precocemente as alterações e manejar o paciente da melhor forma possível.

SOBRE A OSTEOATROSE

A osteoartrose (AO) é uma doença que se caracteriza por não ter cura, ou seja, é debilitante e progressiva. O avanço desta doença acontece por um desgaste progressivo da cartilagem articular e por alterações ósseas, entre elas os osteófitos, conhecidos vulgarmente, como “bicos de papagaio”. Segundo dados da SBR (Sociedade Brasileira de Reumatologia, nos humanos, esta doença é responsável por 40% dos atendimentos ambulatoriais em consultórios médicos, sendo a quarta maior causa de aposentadorias precoce no Brasil. Nos cães e gatos não é muito diferente, é considerada uma das principais afecções responsáveis por quadros de dor crônica e debilitantes, acometendo cerca de 20% dos indivíduos destas espécies. Apesar de cada vez mais descrita e estudada é uma afecção que segue negligenciada na espécie felina, sendo mais comumente diagnosticada em cães.  O controle e a manutenção da qualidade de vida dos pacientes que estão sendo acometidos por esta doença é muito complexo e desafiador, tanto para tutores como para os veterinários, uma vez que há a necessidade de monitoramento contínuo, uma franca relação de confiança entre o tutor/veterinário, utilização de tratamentos individualizados e o correto gerenciamento destes tratamentos e suas variáveis.

Nos últimos anos, centros de referência por todo o mundo realizaram pesquisas e muitas industrias demandaram uma grande quantia de dinheiro para o desenvolvimentos de novas tecnologias e medicamentos que juntos, devem ser capazes de realizar diagnósticos cada vez mais precoces e precisos, e tratamentos mais adequados para os animais, gerando sempre maior mobilidade e qualidade de vida.